terça-feira, 3 de janeiro de 2012

A filosofia na alcova : Breves considerações

DICA DE LEITURA

  A filosofia na alcova data de 1795 e é composta de sete dialógos onde acompanhamos a educação sexual, ou antes, a formação libertina de uma garota de 15 anos, Éugenie. No excerto ora apresentado, Sade prossegue em suas inventivas contra o cristianismo, essa "quimera", e afirma que a consolidação do republicanismo nascente depende da extinção dos cultos. Muitos estudiosos chamaram a atenção para o fato de Sade ter posto, em meio a uma orgia, essa frase na boca de um dos personagens: "Franceses! Fazei mais um esforço se quiserdes de verdade ser republicanos". Para Sade, a mudança política levada a cabo pela Revolução ainda precisava ser instituida no plano "moral".

3 comentários:

Faby Falcão disse...

Arrasou!!

Obrigada por visitar e seguir o meu blog.

Beijoss

www.byfabyfalcao.com

Poeta do Corpo disse...

Excelente dica... Um verdadeiro deleite filosófico.

Félix Maranganha disse...

Sade ainda fez mais: demonstrou, séculos antes de Nietzsche, que a moral é uma construção histórica, que a noção de bem e mal, de certo e errado, é completamente relativa.

No mais, sempre preferi Sade mais pelas figuras, rs.